jessicapree

Jéssica de Holanda Poletto, 22, Feminino, BrasilÚltima visita: setembro 2013

44580 execuções desde 24 Jan 2009

536 Faixas preferidas | 0 Posts | 0 Listas | 136 mensagens

  • Adicionar
  • Enviar mensagem
  • Deixar recado

Seu grau de compatibilidade musical com jessicapree é Desconhecido

Crie seu próprio perfil musical

Últimas faixas

MuseHysteria Faixa preferida 3 Abr 10h12
SkankTrês Lados 29 Out 2013
IncubusPromises, Promises Faixa preferida 29 Out 2013
Los HermanosDeixa O Verão Faixa preferida 29 Out 2013
The CranberriesLinger Faixa preferida 29 Out 2013
AdeleHe Won't Go 29 Out 2013
Legião UrbanaO Teatro dos Vampiros Faixa preferida 29 Out 2013
Pearl JamNot for You Faixa preferida 29 Out 2013
IncubusIf Not Now, When? Faixa preferida 29 Out 2013
ABBADancing Queen 29 Out 2013
Ver mais

Caixa de mensagens

Deixe um comentário. Faça login na Last.fm ou registre-se.
  • hoosier_buddy

    thanks for adding me. yay Brazilian music!

    2 Mar 2013 Responder
  • madeablunder

    Bem, mesmo sendo um bom carnaval atrasado, o que vale é a intenção. Foi um ótimo carnaval, fui a praia por três dias seguidos e digamos que estou com o índice de melanina acentuado. Eu brinquei de fazer castelos, cavar buraco, derrubar castelos com bolinhas de areia, uma verdadeira criança. E de que forma você aproveitou o feriado?

    13 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Feliz carnaval pra você, cara. Vou deixá-la aproveitar o feriado porque os psicólogos também têm direito de descansar. Vim aqui pra deixar o convite de amizade porque né, um opróbrio imenso fazer questionário da vida da pessoa e perder contato depois.

    10 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Quando eu era criança, escutava Rouge e KLB. Na adolescência, passei por uma fase Green Day, Simple Plan, Charlie Brown, Legião e tal. Até os 16, fiquei numa de escutar muito pop/rock, coisa ruim mesmo. Hoje em dia, eu queria poder migrar do rock para o jazz, reggae, samba, música clássica e uns gêneros mais reclusos. Vou fazer uns downloads agora, podemos continuar a conversar depois, se você quiser.

    8 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Esse mundo todo é complicado, mas pelo menos o fato de pensar que eu já determinei todos os meus passos faz com que eu não fique tão preocupada com o que vai acontecer. Esse negócio de falar sobre a vida já deu né gente, vamos prosseguir haha Vamos falar de música que é a coisa mais simples em que posso pensar. O seu gosto musical passou por fases (a fase pop, a fase mpb, a fase rock da revolta)? Sente que o mesmo foi influenciado pelos seus pais/parentes/amigos de alguma forma? Existe algum músico pelo qual você sente bastante admiração? Justifique. (se nada der certo, já sei que posso criar aqueles testes pra sites, porque né)

    8 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Eu quero ser promotora, mas acho que só vou me dedicar a isso quando estiver na terceira idade mesmo. Talvez eu morra antes, mas como essa profissão é muito perigosa, vai ser bom me arriscar numa idade em que já terei concretizado tudo que estava ao meu alcance.

    8 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Pois é, o preço que se paga por jogar guitar hero no expert é um controle detonado. Começa por um analógico, depois passa pra um botão enterrado. Sério que você quer ser mãe? Eu tenho o interesse de adotar um menino quando terminar minhas faculdades e a bendita tese hehe na verdade, eu já tenho um esboço de todos os planos para a minha vida até os 60 anos. Eu quero mudar o mundo, não preciso ter o reconhecimento de várias personalidades brilhantes que fascino, eu só quero contribuir para um lugar melhor para meus pupilos de alguma forma. Se nada der certo com a tese, pelo menos eu quero ter certeza que a criança que eu adotar se tornará uma pessoa decente, tenho tantos planos e ideias de brincadeiras para desenvolver o aprendizado intelectual e moral do meu filho. Vou ter um emprego e dedicar o restante do meu tempo à ele, e só vou dar continuação à minha vida acadêmica quando ele for pra faculdade.

    8 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    O mundo mora em São Paulo, cara SHAUISHAUI Eu gosto de ir à biblioteca municipal, o Sesc e tem um posto de exibição de filmes gratuitos por aqui que estou super ansiosa para ir, só falta marcar com alguém. Olha, eu só sei fazer macarrão, e ele não é lá a coisa mais gostosa do mundo. Nem me fale de violão, mano. Admiro muito quem consegue tirar melodia daquilo, meu negócio é guitar hero ou uma bateria marota. Eu gosto de caminhar também, culpa do meu cachorro, deixou-me acostumada nessa de passeios diários. Então, quais são seus planos após conseguir o diploma? E seu interesse se estende apenas até o curso de ciências sociais e serviço social ou tem algum outro que em que você queira investir? Você tem algum sonho bem mirabolante?

    8 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Suas perguntas são muito cínicas, cara HSUAISAIU Então, meu nome é Jessica da Silva Nordbjorn, eu tenho 18 anos e eu moro em Santos. Como alguma coisa me diz que você tem o mesmo nome que eu e 21 anos, eu gostaria de saber somente em que cidade você reside. Em segundo plano, eu gostaria de saber seus pontos de entretenimento preferidos dentro da sua cidade, e seus hobbies também (toca algum instrumento, joga algum jogo online, faz artesanato, desenha, etc).

    8 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Devo ter me esquecido de lhe dizer que meu hobbie favorito durante o ensino médio era escrever. Com isso, meus amigos começaram a fazer piadinhas quando a professora pedia para sintetizarmos resumos, "ah fessora, faz isso não, a Jéssica vai pensar que é pra fazer um livro", "Jéssica, a professora pediu uma redação, tá? Não é o primeiro capítulo do seu próximo livro não". Poxa, minha vida social está mais mórbida do que a de alguém na terceira idade. Minha professora de sociologia disse que a vida social acadêmica é ativíssima hehe então psicologia não dá dinheiro também? Que ótimo, e eu pensava que ser professora de sociologia já era fim de carreira...A questão é que nós gostamos do curso, antes ser um pobre que gastou 4, 5 anos de sua vida estudando algo que apreciava do que investir numa área que detesta.

    8 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Educação física pra mim sempre foi futebol e ping pong. O professor de filosofia do primeiro ano era um ótimo professor. Ele me emprestou alguns livros, nós sempre conversávamos no fim da aula. Ele não ficava forçando matéria sobre filósofos, colocava uns tópicos na lousa e discutia com a classe, fazia-nos pensar. Como foi sua transição do colegial para a faculdade? Teve de mudar de cidade, assumir um outro comportamento dentro da nova turma, dedicar mais tempo aos estudos do que durante o ensino médio? Bem, aí estão perguntas que você não pode retornar. O próximo assunto fica a seu critério.

    8 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Durante o colegial, eu também tinha uns três amigos e nós nos comportávamos como "os outros" o tempo todo. Eu sempre fui um tanto quanto explosiva, tive meus "atritos". Meu problema sempre foi com matemática. Eu até entendia a explicação do professor, o problema era não cair no sono quando ele começava a falar de números e tudo mais, no entanto, eles gostavam de mim. Devo bastante à minha amiga também, que me socorria quando eles passavam exercícios e eu não sabia da matéria, em contrapartida, eu deixava-a copiar minhas respostas de português. A classe gostava de mim, mesmo eu sendo bem grossa e isolada, uma espécie de admiração, eles sempre batiam palmas depois das apresentações do meu trabalho, e quando eu quisesse, conseguia fazê-los participar da apresentação, como no seminário de filosofia. A professora de filosofia do segundo ano foi um estorvo na minha vida. Todo bimestre ela fechava minha média com 5.

    8 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Continuando nossa viagem por flashbacks...Como foi seu colegial; tinha uma matéria favorita, um professor preferido, uma relação de harmonia com seus colegas? (você pode responder somente às perguntas que considera importantes ok, não quero ser intrometida)

    6 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Minha ideia original há anos era Direito. Bem, passar numa pública em direito requer determinação que eu não tive ao longo de todo o ensino médio. Em contrapartida, sociologia sempre foi minha matéria preferida, gosto que se aprofundou quando a antiga professora fora substituída por uma pessoa simplesmente admirável, pessoa esta que foi uma das quais mais me estimulou a fazer ciências sociais. O que chama minha atenção na área é o respeito pelos diferentes traços culturais, o estudo da sociedade e os vários fatores que sustentam as crenças e dogmas de cada nação. Fora a intersecção significativa das demais matérias do meu interesse, que consistem em filosofia e história. Eu vou optar por psicologia como formação essencial da minha possível tese, mas se eu pudesse, eu investiria mesmo em fazer medicina e, posteriormente, psiquiatria. Não teria nada mais fascinante que lidar com psicopatas.

    6 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Enfim, não precisa se incomodar quanto ao meu diagnóstico. Não tenho lá grandes problemas além de um suposto narcisismo (alegado por minha antiga professora e colegas) que eu classificaria mais como extrema arrogância e incontestável individualismo em todas as atividades em grupo. Bem, mas isso não é conversa pra rede social, até porque, o estudo de psicologia já deve ocupar bastante parte do seu tempo. Vamos a uma discussão mais simples, o que lhe motivou a fazer psicologia?

    5 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Pois é né, tem muita gente que se assusta um pouco e nem responde. Cheguei no seu perfil, estava dando uma olhadinha desprentensiosa nas suas conversas pra fazer minha análise. Existem pessoas que não gostam de conversar pelo last, então elas simplesmente respondem algo que dizem a elas e encerram a conversa, e não quero incomodar a paz desse tipo de pessoa, apesar que algumas também não encontraram alguém que quisesse conversar, então é relativo. Além disso, preciso de "material" para minha abordagem, e quando li "Psicologia? Que bacana :D Eu curso jornalismo.", eu achei algo bastante instigante. Nossa, é um interesse recíproco então, porque eu pretendo me formar em psicologia também haha Caso eu sobreviva à primeira faculdade, provavelmente vou continuar trabalhando no meu sonho de lançar uma tese sobre o comportamento humano e todas as suas influências: o meio, a genética e as reações emocionais de cada um.

    5 Fev 2013 Responder
  • madeablunder

    Olá vizinha, *inserir elogio à biblioteca*. Não que eu estivesse stalkeando você, porém, acidentalmente soube que você cursa psicologia e estou amplamente interessada em receber um diagnóstico do meu estado psicológico. Sem esquecer que o curso que irei começar a fazer em abril é ciências sociais. Claro que o que digitei anteriormente é apenas uma tentativa de quebrar o gelo, sendo que eu aprecio bastante criar abordagens imprevisíveis. Só espero que sua conclusão final a meu respeito não seja que sou um caso perdido.

    3 Fev 2013 Responder
  • sandysandra11

    http://www.last.fm/music/Taylor+Swift/+images/82503619 http://www.last.fm/music/John+Mayer/+images/81730563 http://www.last.fm/music/Ke$ha/+images/82484735 COULD U VOTE THESE PICS UP *-* ?

    2 Out 2012 Responder
  • PhillCampos

    SUPER! =)

    24 Ago 2012 Responder
  • francisquinelot

    Vlw por ter aceitado!

    16 Jun 2012 Responder
  • Todas as 136 mensagens

Sobre mim

Atividade recente

Posts (1)

Grupos (11)

Ver mais