Biografia

Formada em 2003 em Geneva, Suíça pelo guitarrista Drop e o cantor Benjamin, Sybreed foi criado como uma reflexão entre os gostos em comum pelos estilos Metal e Industrial, envolvendo conteúdos conceituais sobre miséria social, alienação diária e, mais freqüentemente, a decadência nos meios modernos de vida.

Mais tarde começaram a trabalhar no que se tornaria seu primeiro álbum, o SLAVE DESIGN. Começaram a fazer performances ao redor dos EUA liberando toda sua violência eletrônica nos palcos com seu álbum de estréia, o que os ajudaria a ganhar uma base sólida de fãs no território americano. Voltando para a Europa, se focaram nos palcos por quase dois anos. Por enquanto, Drop começou a compor o que se tornaria o sucessor do Slave Design, reintroduzindo influências do Black e Death metal no processo, e também injetando uma nova dimensão de brutalidade nas suas músicas. Ao mesmo tempo, foi desenvolvido o lado melódico, aumentando o uso de vocais limpos com o ainda toque de eletrônico que fazia com que o som do Sybreed se tornasse reconhecível ao meio de outras bandas. Para a ocasião, chamaram o baterista do Soilwork Dirk Verbeuren, que aceitou tranqüilamente gravar o novo álbum do Sybreed. Mais tarde Kevin se juntou a banda, dando mais estabilidade ao elenco.

Tendo juntado forças com a gravadora francesa LISTENABLE RECORDS, Sybreed lançou seu segundo álbum em Outubro de 2007: ANTARES. A banda foi muito elogiada pela crítica de Metal internacional pelas melodias originais e toques viciantes, o que lhes deu a oportunidade de abrir diversos shows pela Europa e participar do METAL CAMP Festival, na Slovênia.

Não obstante, eles logo sentiram a urgência de criar um terceiro álbum, o que reinventaria o som do Sybreed em algo que a banda chama de “Death Wave”. Drop, Ben e Kevin planejaram sessões regulares no outono europeu de 2008. Sessões que deram resultados, no final do ano, à doze faixas com “agressão sônica” e “ambiente rarefeito” onde orgânico e eletrônico finalmente se juntariam em uma entidade sólida. Rhys Fulber, conhecido pelo seu trabalho no Fear Factory, foi chamado para a difícil tarefa de mixar o álbum da banda.

Depois da turnê com o Threat Signal na America do Norte no verão de 2009, Sybreed lançou, em Outubro do mesmo ano, THE PULSE OF THE AWAKENING, uma mixagem viciosa de graves mortais, explosões metálicas furiosas, arrepios “tecnológicos” e melodias congelantes. O álbum foi bem ovacionado pela crítica, o que também abriu a porta para eles no IN FLAMES European Tour com suporte direto para vários shows. Começando este ano reforçado pelo novo LP, vão embarcar em vários shows na França, Suíça, Espanha, Rússia e finalmente na União Européia em Junho com o DEATHSTARS.

SYBREED É:
DROP: Guitarras e arranjos eletrônicos

BENJAMIN: Vocais

KEVIN: Bateria

STEPH: Baixo

Editado por Symbiont001 em Nov 13 2014, 22h11

Fontes (ver histórico)

OFFICIAL SYBREED SITE - http://www.sybreed.com/index.php?id=bio

Todos os textos enviados pelos usuários nesta página estão disponíveis sob a licença Creative Commons Attribution/Share-Alike.
Os textos também estão disponíveis sob a Licença de documentação livre GNU.

Ficha do artista

Gerado a partir de fatos marcados na wiki.

Não existe informação sobre este artista

Você está vendo a versão 5. Veja versões mais antigas, ou discuta esta wiki.

Você também pode ver uma lista de todas as alterações recentes na wiki.

Mais informações

De outras fontes.

Links
Gravadoras