Biografia

Samantha Karen “Sam” Fox (nascida a 15 de Abril de 1966 em Mile End, Londres) é uma antiga modelo de glamour e cantora de dance-pop inglesa.

Sendo a filha mais velha do falecido Patrick John Fox e Carole Ann Wilken, Samantha Karen Fox veio de uma família de comerciantes da East End de Londres. Tem uma irmã, Vanessa, seis anos mais nova, e uma meia-irmã, Frederica, do segundo casamento do seu pai.

Frequentou a escola St. Thomas More RC, em Haringey, e interessou-se pelo teatro desde tenra idade. Ela fez a sua primeira aparição num palco de teatro com 3 anos de idade, e foi matriculada na escola Anna Scher Theatre School com 5 anos de idade. A sua primeira aparição televisiva aconteceu em 1976, com 10 anos, numa peça da BBC entitulada “No Way Out”. Seguidamente, ingressou na escola Judi Dench Mountview Theatre School, perto de sua casa em Crouch End, com 11 anos.

Interessada em música desde nova, formou a sua primeira banda, com Richard Smart na guitarra e Bob Day no tamborim, com 14 anos. O seu primeiro contrato discográfico aconteceu um ano depois, com a Lamborghini Records. Contudo, tanto a carreira musical como no teatro foram suspensas quando a sua carreira de modelo começou.

No final dos anos 80, Fox começou uma carreira bem sucedida no mundo da música, produzindo três álbuns em três anos (1986-1988), e trabalhando com produtores notáveis como Stock Aitken Waterman e Full Force. O seu single de estreia, “Touch Me (I Want Your Body)”, lançado quando tinha apenas 19 anos em Março de 1986, alcançou o número um em ambos os lados do Atlântico (3º no Reino Unido e 4º nos Estados Unidos da América). Também alcançou o topo noutros países, incluindo Canadá, África do Sul e Austrália. A sua primeira actuação ao vivo foi no Hipódromo Peter Stringfellow’s club. Fox teve três Top 10 hits tanto nos Estados Unidos como no Reino Unido. No Canadá e nos Estados Unidos, “Naughty Girls (Need Love Too)” (3º nos Estados Unidos , 8º no Canadá) e “I Wanna Have Some Fun” (8º nos estados Unidos, 10º no Canadá) alcançaram o Top 10; enquanto a audiência britânica colocaram “Do Ya Do Ya (Wanna Please Me)” (10º no Reino Unido) e “Nothing’s Gonna Stop Me Now” (8º no Reino Unido) nos lugares cimeiros do Top 10. A sua bem sucedida carreira musical resultou numa tour mundial, incluindo locais como Bósnia, Rússia e Ucrânia. No total, Fox conseguiu um total de top 40 hits como artista solo no Reino Unido e outros 4 singles conseguiram um lugar no top 75 neste país.

Depois de uma pausa de 3 anos, Samantha Fox lançou o seu quarto álbum para a Jive Records em 1991, titulado “Just One Night”. O álbum espelhou o seu trabalho anterior de 1988, “I Wanna Have Some Fun”, apresentando uma mistura de faixas old school hip-hop com Full Force, juntamente com uma colecção de de faixas pop e rock. “Just one Night” tornou-se um sucesso para Fox no Canadá. Em 1992, a Jive lançou a primeira compilação oficial de Samantha, “Greatest Hits”, que continha três temas inéditos.

Em 1995, Fox tentou reavivar a sua carreira musical participando no “Song for Europe”, o concurso para seleccionar o participante britânico para o Festival Eurovisão da Canção. Ela interpretou “Go for the Heart”, como cantora principal do grupo Sox, mas falhou ao alcançar a Eurovisão após ter ficado em 4º lugar na votação do público. “Go for the Heart” foi lançado na Europa e foi um sucesso na Holanda. Em 1997, lançou um novo álbum, “21st Century Fox”. O álbum continha faixas dos estilos Eurodance e Hi-NRG. Foi lançado nos Estados Unidos um ano depois com o single de avanço “Let Me Be Free”. “21st Century Fox” tornou-se o seu primeiro lançamento independente. Ela também escreveu, em co-autoria, e produziu muitas das suas faixas. Outros dos singles do álbum são “Deeper” e “The Reason Is You”. Este é o álbum que a tormou uma grande favorita na sua base de fãs. Em 1998 Fox juntou-se a DJ Milano que produziu o hit “Santa Maria”. A faixa atingiu os tops britânicos e atingiu o número 1 na Áustria assim como posições no top 40 noutros países Europeus. Em 2004, Fox juntou-se a Mats Söderlund (conhecido como Günther) para fazer um remake de “Touch Me (I Want Your Body)”. Esta versão atingiu o número 1 no Top de singles da Suécia e incluia remixes feitos por DJ Alligator e mixes lounge. Esta versão também foi bem sucedida na Grécia, Finlândia, Noruega e tornou-se um favorito por clubbers em todo o mundo aparecendo em várias compilações de dance music. No Verão de 2005 Fox apareceu no álbum dos Superchumbo, “Wozie Zowie”, e gravou a faixa de house “Sugar”. A faixa recebeu boas críticas e foi um hit nas discotecas na maior parte de 2005 aparecendo em vários dj charts pelo mundo. A faixa também apareceu em várias compilações de êxitos house.

Em Novembro de 2005, Fox lançou o seu último álbum, “Angel with an Attitude”, no Canadá. Para o álbum, ela escolheu trabalhar com o produtor premiado Joe Barrucco.

Fox fez uma tour pela Austrália nos finais de Agosto e inícios de Setembro de 2007, como parte do Countdown Spectacular 2.

A 24 de Agosto de 2008 Samantha Fox actuou na Polónia num concerto com estrelas dos anos 80, junto com Kim Wilde, Sabrina, Sandra, Modern Talking, Limahl e Shakin’ Stevens. O concerto foi parte do Festival Sopot 2008 e foi transmitido em directo pelo canal televisivo polaco TVN.

Samantha tomará o palco no Pepsi Centre em Québec City a 11 de Abril de 2009 como parte de um concerto dos anos 80 juntamente com Debbie (Deborah) Gibson e Rick Astley.

Editado por aimo_666 em Fev 9 2009, 0h21

Todos os textos enviados pelos usuários nesta página estão disponíveis sob a licença Creative Commons Attribution/Share-Alike.
Os textos também estão disponíveis sob a Licença de documentação livre GNU.

Ficha do artista

Gerado a partir de fatos marcados na wiki.

Não existe informação sobre este artista

Você está vendo a versão 1. Veja versões mais antigas, ou discuta esta wiki.

Você também pode ver uma lista de todas as alterações recentes na wiki.