Biografia

O Pink Floyd é uma banda inglesa formada na cidade de Cambridge em 1965, inicialmente reconhecida pelo estilo psicodélico e experimental durante sua fase inicial e mais tarde por seu álbuns conceituais, letras filosóficas e concertos extremamente elaborados, com combinações muito originais entre som e imagem em todas as suas fases.

Após a retirada de Syd Barrett a banda teve como líder e compositor,Roger Waters,que criou muitos dos albuns mais conhecidos da banda.A Origem do nome foi dado pelo próprio Barrett,que juntou o nome de dois dos seus artistas favoritos de Blues,criando o nome:Pink Floyd

Um dos conjuntos de maior sucesso na história, a banda vendeu 200 milhões de discos ao redor do mundo, obtendo o recorde de manter por mais tempo um álbum (The Dark Side Of The Moon) no Top 200 da Billboard – 741 semanas consecutivas, ou seja, mais de 14 anos.

Apesar do moderado sucesso nas rádios à fase inicial, o Pink Floyd era uma das bandas mais conhecidas e respeitadas no underground londrino, quando realizava shows memoráveis por sua combinação de sons e luzes, arquitetada pelo então líder Syd Barrett. Algum tempo depois do lançamento do primeiro álbum, The Piper at the Gates of Dawn, de 1967, o comportamento imprevisível de Barrett, agravado pelo seu uso abusivo de drogas, forçou seu posterior desligamento. Durante algum tempo ele ainda permaneceu na banda de forma apagada, compondo apenas uma música do disco A Saucerful of Secrets (1968). Barrett, que sofria de diabetes, teve sua situação médica agravada lentamente ao longo dos anos, o que culminou em sua morte por câncer em 2006.

O próximo disco – já sem a presença de Syd – More, de 1969, trilha sonora para o filme homônimo, contava com David Gilmour já como guitarrista e vocalista principal em todas as faixas.

Durante algum tempo a banda permaneceu sem rumo certo em função da perda do líder e principal letrista. Discos experimentais e longas músicas instrumentais são exemplos dessa época: Ummagumma, álbum duplo de 1969, Atom Heart Mother (1970) e Meddle (1971). Antes de seu disco de maior sucesso, Dark Side of the Moon (1973), a banda ainda lançou em 1972 Obscured by Clouds, outra trilha sonora e um dos discos mais singulares do Pink Floyd.

Foi com Dark Side que a banda se tornou mundialmente conhecida e atingiu grande nível de popularidade. O disco, aclamado pelo público e pela crítica, tematizava sobre diversos problemas que afligem o homem moderno, como o dinheiro, a loucura, a morte e a apatia, dentre outros. Esse sucesso intensificou a influência do baixista Roger Waters, que criou os conceitos de todos os demais álbuns dessa época.

São eles: Wish You Were Here (1975), Animals (1977), The Wall (1979) e Final Cut (1983). O primeiro trata basicamente sobre a ausência – tanto a de Syd quanto a dos membros à época, em parte desmotivados por terem alcançado tanto sucesso com o disco anterior. Há também severas críticas à indústria fonográfica em geral, exemplo de Welcome to the Machine e Have a Cigar.

Animals, não tão bem recebido pela crítica quando do seu lançamento, é uma adaptação do clássico de George Orwell, A Revolução dos Bichos. Apesar disso, o disco é provavelmente o auge técnico dos integrantes e possui muito boa avaliação entre os fãs.

Com o próximo disco – The Wall – que muitos concordam ser o ponto alto de Waters como compositor, a banda novamente alcança o topo das paradas da Billboard, vendendo mais de 11 milhões de cópias, o que o torna o disco duplo mais vendido de todos os tempos. Complexo e bastante autobiográfico, o disco tem como ponto chave o processo de isolamento causado por traumas sofridos ao longo da vida.

Um deles, a morte do pai na 2ª Guerra Mundial, é mais bem trabalhado no último disco sob a liderança do baixista: Final Cut, que também contém críticas à política bélica britânica, comandada na época por Margaret Thatcher.

Waters, que alegava sérias divergências com os demais membros da banda, declarou o fim em 1985. Insatisfeitos com o desfecho da situação, David Gilmour, juntamente com o baterista Nick Mason brigaram na justiça com Waters, ganhando o direito de continuar usando o nome Pink Floyd mesmo sem a presença do ex-líder.

Após isso foram lançados 2 álbuns sob liderança do guitarrista: A Momentary Lapse of Reason, de 1987, com fortes influências da década de 80 (e que ainda não continha a presença de Wright), e The Division Bell, de 1994, com diversas letras co-escritas pela mulher de Gilmour, Polly Samson.

Em 2 de julho de 2005 e pela primeira vez em 24 anos, a formação mais clássica do Pink Floyd voltou a tocar, para a sua maior platéia, no Festival Live 8, em Londres. Em 15 de setembro de 2008 morre o tecladista Richard Wright, pondo um fim no sonho de um possível retorno da formação clássica do Pink Floyd.

Editado por NathanFloyd em Out 10 2013, 1h48

Todos os textos enviados pelos usuários nesta página estão disponíveis sob a licença Creative Commons Attribution/Share-Alike.
Os textos também estão disponíveis sob a Licença de documentação livre GNU.

Ficha do artista

Gerado a partir de fatos marcados na wiki.

Formada em
  • 1965
Separou-se em
  • 1994
Fundada em
  • Cambridge

Você está vendo a versão 37. Veja versões mais antigas, ou discuta esta wiki.

Você também pode ver uma lista de todas as alterações recentes na wiki.