Modest Petrovich Mussorgsky (Karevo, Pskov, 21 de março de 1839 – São Petersburgo, 28 de março de 1881), foi o gênio do movimento nacionalista russo. Sua música “ilustrativa” pretende a Verdade, imitando a realidade sem embelezá-la. Seguindo a tendência dos Narodnik, foi em direção ao povo através das suas canções, que nada têm a ver com o canto romântico alemão. Seu objetivo é o realismo perfeito, com um caráter dramático, até teatral. Sua maior obra foi a ópera Boris Godunov (1869, revista em 1872), onde encontramos a harmonia sacro-eslava, o ritmo “falado”, que surge diretamente do ritmo das palavras faladas, o “populismo” e o motivo permanente da Morte.
Mas, seus próprios contemporâneos russos, não acostumados àquela música tão diferente do que, até então, se ouvia, chegaram a considerá-lo como um louco ou como ignorante das regras elementares da composição musical. Na verdade, ele foi um autodidata que nunca chegou a dominar as regras acadêmicas. Por isso mesmo teve a liberdade de criar obra originalíssima.

Editado por pedrorolo em Mar 16 2009, 18h28

Todos os textos enviados pelos usuários nesta página estão disponíveis sob a licença Creative Commons Attribution/Share-Alike.
Os textos também estão disponíveis sob a Licença de documentação livre GNU.

Ficha do artista

Gerado a partir de fatos marcados na wiki.

Formada em
  • 1839
Separou-se em
  • 1881
Fundada em
  • Karevo, Pskov

Você está vendo a versão 5. Veja versões mais antigas, ou discuta esta wiki.

Você também pode ver uma lista de todas as alterações recentes na wiki.