Biografia

Nascida na cidade de Canton, em Ohio, no dia 6 de setembro de 1967, Natalie Renee McIntyre ou simplesmente Macy Gray entrou tarde no mundo da música, com quase trinta anos. Fã de desde pequena, a cantora costumava ouvir os discos de seu pai, que eram compostos basicamente por astros como Sly Stone, James Brown, Marvin Gaye e Stevie Wonder.

Quando se mudou para Los Angeles, Macy entrou para uma banda de standards de jazz. Foi durante essa época que ela começou a gravar suas primeiras fitas demo. Uma dessas fitas impressionou muito a EPIC/SONY, que acabou por contratá-la em abril de 1998.

Tendo como produtor Andrew Slater, a cantora lançou seu primeiro disco, “On How Life Is” em 1999. O álbum, cheio de e R&B moderno, vendeu mais de dois milhões de cópias só nos EUA e rendeu a Macy o Brit Awards de Melhor Artista Solo Internacional e Revelação Internacional.

Com hits como “I Try” e “Why Didn’t You Call Me”, estabeleceu-se como a mais nova estrela da música contemporânea, sendo nominada para o Grammy e recebendo o troféu de artista revelação e melhor cantora de R&B de 1999. No final do ano 2000, a estrela de Macy Gray já brilhava mundo afora, e o álbum de estréia chegava aos quatro milhões de cópias vendidas nos EUA. Até hoje, este álbum já vendeu mais de 7 milhões de cópias no mundo inteiro, e graças principalmente ao boca-a-boca de seu público, ela tornou-se admirada e idolatrada nos quatro cantos do mundo.

Seu segundo CD, “the id” vinha com uma carga de responsabilidade maior. Sempre que um primeiro CD tem grande sucesso, o segundo traz muita responsabilidade pois, é com ele que o publico decidirá se o sucesso é apenas passageiro ou se aquela cantora veio mesmo para ficar. Macy mostrou que seu sucesso não seria passageiro e “The Id” também teve vendas espetaculares. Conhecida atualmente como furacão, não há como passar pelo R&B sem citar o nome Macy Gray.

Depois de “The Id”, vieram os álbums “The Trouble With Being Myself” (2003); “The Very Best Of Macy Gray” (2004); “Live in Las Vegas” (2005); e, seu mais recente álbum, “Big”, de 2007.

Considerada uma das grandes cantoras da música soul moderna, fora do palco Macy tem um jeitão desengonçado. Ela é inquieta, grande, se empolga quando fala do trabalho, do sucesso que a pegou de surpresa. O primeiro disco estourou quando estava em turnê, na Europa.

Discografia
On How Life Is (1999)
the id (2001)
The Trouble With Being Myself (2003)
The Very Best Of Macy Gray (2004)
Live in Las Vegas (2005)
Big (2007)

Filmografia
• Homen Aranha (2001)
• Training Day (2001)
• Todo Mundo em Pânico 3 (2003)
• Lakawanna Blues (2004)
• A volta ao mundo em 80 dias (2004)
• The Crow: Wicked Prayer (2005)
• Shadowboxer (2005)
• Domino (2005)
• Idlewild Blues (2006)
• That’s so raven (2006)

Editado por danielfo em Set 21 2010, 22h14

Todos os textos enviados pelos usuários nesta página estão disponíveis sob a licença Creative Commons Attribution/Share-Alike.
Os textos também estão disponíveis sob a Licença de documentação livre GNU.

Ficha do artista

Gerado a partir de fatos marcados na wiki.

Não existe informação sobre este artista

Você está vendo a versão 11. Veja versões mais antigas, ou discuta esta wiki.

Você também pode ver uma lista de todas as alterações recentes na wiki.