Biografia

Lee Wiley (09/10/1908 – 11/12/1975) foi uma cantora americana de jazz, mutio popular nos anos 1930, 40 e 50. Ela possuía uma voz sensual, meio sussurrada, com um timbre intimista e lírico, sempre com interpretações sofisticadas.
Ela nasceu em Fort Gibson, Oklahoma, começando sua carreira ainda adolescente com a orquestra de Leo Reisman. Cega temporariamente após um acidente que a fez interromper a carreira, voltou aos palcos com 19 ano, ainda com Reisman. Cantou também na famosa orquestra de Paul Whiteman - a maior dos anos 1920 - e, depois, com a famosa banda de swing Casa Loma Orchestra. Escreveu inúmeras letras para as composições de Victor Young, dentre as quais “Got The South In My Soul” e “Anytime, Anyday, Anywhere”, que, no anos 50, seria um hit de R&B.
Em 1939, Wiley lançou um album - ainda em 78 RPM - apenas com canções de George Gershwin: foi a primeira cantora, assim, a dedicar um disco a um único compositor. O album vendeu bem, fazendo com que fosse seguido por outros semelhantes, com músicas de Cole Porter (1940), Richard Rodgers & Lorenz Hart (1940 and 1954), Harold Arlen (1943), e Vincent Youmans e Irving Berlin (1951). Nesses albuns foi acompanhada por músicos do calibre de Bunny Berigan, Bud Freeman, Max Kaminsky, Fats Waller, Billy Butterfield, Bobby Hackett, Eddie Condon, e o bandleader Jess Stacy, com quem Wiley foi casada por vários anos. Tais albuns lançaram o conceito de “songbook”, depois seguido por outros cantores.
A carreira de Wiley ressurgiu em 1950 com o muito admirado album de 10 polegadas “Night in Manhattan”. Em 1954, ela abriu o primeiro Newport Jazz Festival, acompanhada por Bobby Hackett. Ainda nos anos 50 ela gravou dois de seus melhores albuns, “West of the Moon” (1956) and “A Touch of the Blues” (1957).
Na década de 1960, Willey praticamente aposentou-se, embora um filme de 1963, feito para a TV - “Something About Lee Wiley” -, contando sua história, tenha renovado o interesse do público sobre ela. Sua última aparição pública foi num concerto no célebre Carnegie Hall, em 1972, como parte do New York Jazz Festival, no qual ela foi entusiasticamente recbida.
Ela morreu em 11/12/1975, com 67 anos, de câncer no cólon.

Editado por daslava em Mar 10 2009, 1h57

Todos os textos enviados pelos usuários nesta página estão disponíveis sob a licença Creative Commons Attribution/Share-Alike.
Os textos também estão disponíveis sob a Licença de documentação livre GNU.

Ficha do artista

Gerado a partir de fatos marcados na wiki.

Não existe informação sobre este artista

Você está vendo a versão 2. Veja versões mais antigas, ou discuta esta wiki.

Você também pode ver uma lista de todas as alterações recentes na wiki.