Biografia

Jamie Cullum é um cantor e pianista de pop e jazz contemporâneo inglês de Romford, que está sendo considerado uma referência na recriação desse gênero musical, Jamie faz sucesso na Europa e na Ásia, onde além de covers emplaca sucesso de sua própria autoria distribuídos em quatro CDs: Pointless Nostalgic, Twentysomething, Catching Tales e The Pursuit.

Cullum Lançou o seu primeiro álbum, Jamie Cullum Trio—Heard it All Before, em 1999, dos quais foram feitas 500 cópias. Devido à sua raridade, cópias originais eram vendidas até £ 600 no eBay. O sucesso de “Heard It All Before”, resultou em Cullum ter sido convidado para aparecer no álbum de Geoff Gascoyne Songs of the Summer. Depois de diplomado da Universidade de Reading, em 2001, Cullum lançou o álbum mais vendido, Pointless Nostalgic, o que suscitou interesse de Michael Parkinson e Melvyn Bragg. (Cullum fez a sua primeira aparição na televisão BBC no show de Parkinson e foi o último musico a cantar no Michael Parkinson Show ‘Final Conversation’ gravado no dia 26 de novembro e transmitido a 16 de Dezembro de 2007.)

Em Abril de 2003, Cullum assinou um contrato de três álbuns com a Universal. O seu terceiro álbum, Twentysomething, lançado em Outubro de 2003, passou a disco de platina e se tornou o álbum #1 vendido por um artista de jazz no Reino Unido.

Embora essencialmente um músico jazz, Cullum atua em uma ampla gama de estilos e é geralmente considerado como um crossover com as suas raízes musicais firmemente baseadas no jazz. Cullum inspira-se de diversos músicos e escuta a uma mistura muito eclética de músicas: desde Miles Davis a Tom Waits e muitos mais. Cullum já pertenceu a várias bandas, que vão desde tocar bateria num grupo de à tocar guitarra em bandas de como Raw Sausage e The Mystery Machine, durante a sua adolescência. Cullum faz de seu irmão mais velho, Ben Cullum, a sua maior influência musical, e os dois têm colaborado bastante.

Jamie Cullum é bem conhecido não só pela sua habilidade com o piano, mas também pelo seu estilo único de entretenimento e de carisma. Uma das coisas que aparece nos concertos de Jamie é o stompbox (para não ser confundido com o pedal de efeitos dos guitarristas), feita a partir de um pequeno bloco de madeira. O stompbox é usado para amplificar o som do bater do pé. Jamie encontrou isto na Austrália, e utiliza-o para reforçar os ritmos de canções como Seven Nation Army originalmente tocada pelos The White Stripes e Gold Digger, originalmente de Kanye West. Ele também utiliza muitas vezes a looping machine (máquina de repetição). Esta desempenha um papel importante nas suas versões de “Seven Nation Army” e Teardrop dos Massive Attack. Cullum é também muitas vezes encontrado a fazer beatboxing em muitas actuações.

Bem como White Stripes e Kanye West, Cullum tem trabalhos realizados pelos Massive Attack, Pussycat Dolls, Radiohead, Gnarls Barkley, Elton John, Justin Timberlake, John Legend, Joy Division e muitos outros. Cullum raramente trabalha para definir uma lista e, em média, as suas actuações apenas duram duas horas. Os actuações são em grande parte improvisadas, enraizadas no jazz, mas não exclusivamente constituídas por música jazz.

Discografia:

1999 - Heard It All Before
2001 - Pointless Nostalgic
2003 - Twentysomething
2005 - Catching Tales
2009 - The Pursuit
2010 - Devil May Care
2013 - Momentum

http://www.jamiecullum.com/

Editado por Andreas_Wotte em Fev 21 2014, 13h18

Todos os textos enviados pelos usuários nesta página estão disponíveis sob a licença Creative Commons Attribution/Share-Alike.
Os textos também estão disponíveis sob a Licença de documentação livre GNU.

Ficha do artista

Gerado a partir de fatos marcados na wiki.

Formada em
  • 1999
Fundada em
  • Romford
Membros da banda
Site oficial

Você está vendo a versão 13. Veja versões mais antigas, ou discuta esta wiki.

Você também pode ver uma lista de todas as alterações recentes na wiki.