Biografia

Donny Hathaway foi uma das mais belas vozes surgidas na soul music dos anos 70. Seu timbre suave, fortemente influenciado pelo gospel, transitava com desenvoltura tanto pela música romântica quanto pelas canções de protestos e temática social.

Nascido em 1 de outubro de 1945, em Chicago, Hathaway mudou-se ainda criança para St. Louis onde começou cantando nas igrejas aos 3 anos. Donny aprendeu a tocar piano na infância e quando estava no colegial venceu um concurso promovido pela Howard University no qual ganhou uma bolsa para estudar música. Na universidade, Hathaway começou a tocar jazz em grupos formados por colegas de faculdade. Ao final do curso, já tocando profissionalmente, ele foi convidado para trabalhar numa gravadora.

Após atuar como produtor, arranjador, compositor e músico de estúdio para diversos artistas, Donny passou a fazer backing vocal para Curtis Mayfield. Em 1969, Hathaway gravou “I Thank You Baby”, em dueto com June Conquest. Contratado pelo selo Atlantic, Donny lançou “The Ghetto”, seu primeiro single solo. Embora não tenha obtido sucesso nas paradas de R&B na época de seu lançamento, a canção tornou-se um clássico, sendo depois sampleada por diversos artistas do hip-hop. Esse primeiro single abriu caminho para o primeiro LP de Donny, o excelente “Everything Is Everything”, lançado em 1970.

Em 1971, Hathaway gravou seu segundo álbum e fez dueto com a antiga colega de universidade Roberta Flack, na cover de “You’ve Got a Friend” que chegou ao Top 10 na parada R&B. O sucesso da parceria gerou o álbum Roberta Flack & Donny Hathaway, de 1972. O álbum alcançou grande sucesso comercial, chegando a disco de ouro, enquanto a balada “Where Is the Love?” chegou ao Top 5 e ganhou o Grammy.

No auge do sucesso, Hathaway começou a enfrentar problemas de depressão. Em 1973, Donny ainda lançou o disco “Extension of a Man”, logo depois iniciou um período quase sabático, fazendo apresentações esporádicas em pequenos clubes. Em 1977, aparentemente recuperado, ele retomou o dueto com Roberta Flack e gravou “The Closer I Get to You”. A canção ficou mais de um ano nas paradas, atingindo o topo das listas Pop e R&B, o que inspirou a gravação de um novo LP da dupla.

No dia 13 de janeiro de 1979, durante as sessões do novo álbum em dueto com Roberta Flack, Donny Hathaway foi encontrado morto na calçada sob a janela de seu apartamento no 15º andar do Essex House, em New York. A ausência de sinais de violência ou arrombamento no apartamento levou a polícia a considerar a morte como suicídio.

Em 1980, foi lançado o álbum “Roberta Flack Featuring Donny Hathaway”, que reúne todas as gravações em dueto da dupla. Esse disco póstumo fez Hathaway voltar às paradas e ser redescoberto conquistando uma nova geração de fãs.

Editado por danaspooky em Ago 19 2008, 2h02

Todos os textos enviados pelos usuários nesta página estão disponíveis sob a licença Creative Commons Attribution/Share-Alike.
Os textos também estão disponíveis sob a Licença de documentação livre GNU.

Ficha do artista

Gerado a partir de fatos marcados na wiki.

Não existe informação sobre este artista

Você está vendo a versão 2. Veja versões mais antigas, ou discuta esta wiki.

Você também pode ver uma lista de todas as alterações recentes na wiki.

Mais informações

De outras fontes.

Links
Gravadoras