Biografia

A Anita Ward não será muito próprio dar-lhe o título de Disco Diva, visto que a sua carreira no mundo da música, em particular discográfica, é muito curta, consistindo em apenas dois albúms gravados em anos consecutivos.

No entanto, devido a um único exito que fez uma carreira fulgurante por todo o mundo (literalmente!), Anita Ward é ainda hoje um nome recordado, a par com nomes como Gloria Gaynor, Thelma Houston ou Candy Staton.

E caso o nome de Anita Ward não faça soar nenhuma campainha a muita gente, pelo menos o título do seu bem sucedido single “Ring my bell” fa-lo-á, de certeza, pois em 1979 era um dos temas mais ouvidos e comprados do ano.

Anita Ward nasceu em 1957 na cidade de Memphis, e como muitas cantoras negras, desenvolveu os seus dotes nos coros das igrejas da sua terra Natal.

Com a idade de 9 anos apenas iniciou a sua apresentação pública, juntando-se mais tarde, já na Universidade, ao famoso grupo de Gospel local, os Rust Singers.

A sua actividade no canto funcionáva em part-time, já que estudou Psicologia e mais tarde Gestão e Administração.

Mesmo assim, enquanto membro dos Rust Singers, gravou um disco com o famoso solista da Metropolitan Opera House, Leontyne Price.

A sua aparição regular num programa de televisão de grande sucesso, The Chuck Holmes Show, deu-lhe a oportunidade de conseguir um contrato com a companhia discográfica Juana, para a qual gravou o seu primeiro albúm, “Songs of love” (R&B #2, Pop #8), sob a produção de Frederick Knight…

O primeiro tema extraído para single foi “Spoiled by your love”, produzido por Knight, que apesar de interessante, não passou de um exito regional, e nem chegou às tabelas de vendas nacionais.

Entretanto, conta-se que Frederick Knight tinha um tema composto havia algum tempo, mas não tinha uma voz adequada para ele. Ouvindo a voz de Anita, decidiu introduzi-lo no albúm.

Inicialmente, a canção intitulava-se “You can ring my bell”, mas após incluída em “Songs of love” passou simplesmente a “Ring my bell”, que se tornou na segunda aposta para single do albúm.

Ao contrário do primeiro single, este “Ring my bell” (R&B #1, Pop #1, UK #1) tornou-se num enorme exito, conseguindo a incrível proeza de ocupar o primeiro lugar das tabelas de vendas de todos os principais mercados de venda de discos a nível mundial, feito muito raramente repetido por outro artista na história da música Pop.

Os restantes temas do albúm têm um carácter mais calmo, entre as baladas e os mid-tempos, tornando-o muito agradável, daí que não tenha vendido nada mal nos E.U.A.

Era inevitável um novo albúm sob a produção de Frederick Knight, que saiu ainda em 1979, “Sweet surrender”, do qual foi extraído um primeiro single, “Don´t drop my love” (R&B #52, Pop #87).

É claro que depois de um grande exito é sempre dificil conseguir novos temas que mantenham o mesmo nível de sucesso, pois a expectativa é muito grande…e “Don´t drop my love” foi uma desilusão.

Não que o single não seja interessante, mas não sendo marcadamente um tema DISCO, a mensagem não pegou. No entanto o albúm, com temas quase inteiramente compostos por Knight, tem alguns momentos fortes, entre eles um tema que foi amplamente tocado em muitas discotecas americanas, “I´m ready for love”, e que hoje é um clássico da música de dança, ou ainda “This must be love” e uma versão do clássico das Supremes, “Someday, we´ll be together”.

O fraco resultado das vendas de “Sweet surrender” e vários processos conturbados de mudanças de editora discográfica, desmotivaram fortemente Anita Ward que, depois de um par de anos à espera da hipótese de gravar um novo albúm, optou por deixar para sempre o mundo incerto da música, e dedicar-se a uma carreira no ensino.

No entanto, o mundo da música não a esqueceu de todo, e “Ring my bell” foi, ao longo dos anos, elevado ao estatuto de grande clássico da música de dança, continuando a ser tocado de vez em quando um pouco por todo o lado, seja em programas de rádio, festas revivalistas ou até fazendo periódicamente parte de alguma banda sonora ou colectânea sobre música de dança.

Filipe Knop



Discografia elementar (albúms)

• 1979 - ” Songs of love” ♥♥♥

• 1979 - ” Sweet surrender” ♥♥♥

• 1997 - “Ring my bell - The best of Anita Ward” ♥♥♥



Agradecimentos às contribuíções informativas de Lawrence Rocker.

Editado por lob_home em Mar 3 2008, 18h39

Todos os textos enviados pelos usuários nesta página estão disponíveis sob a licença Creative Commons Attribution/Share-Alike.
Os textos também estão disponíveis sob a Licença de documentação livre GNU.

Ficha do artista

Gerado a partir de fatos marcados na wiki.

Não existe informação sobre este artista

Você está vendo a versão 1. Veja versões mais antigas, ou discuta esta wiki.

Você também pode ver uma lista de todas as alterações recentes na wiki.